Cássia Kis volta ao quintal de Manoel de Barros em nova temporada de solo biográfico

Sob a direção de Ulysses Cruz, atriz reestreia espetáculo no palco do Teatro Vivo, em São Paulo

Publicado em 27/01/2022 11:30
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Espetáculo que chegou aos palcos em 2019 e teve sua carreira interrompida devido à pandemia do Coronavírus em 2020, Meu Quintal é Maior do que o Mundo, baseado nos poemas que compõem os três volumes do livro Memórias Inventadas, lançados entre 2005 e 2007 por Manoel de Barros (1916-2014) com registros de suas lembranças na infância, retorna à cena neste 2022.

Protagonizado por Cássia Kis sob a direção de Ulysses Cruz, a obra chegou a cumprir curta temporada no Teatro D, no início de 2021, e agora volta à capital para curta temporada no palco do Teatro Vivo, na zona sul, a partir de março.

Em cena, Kis divide a cena com o músico Gilberto Rodrigues para narrar as memórias colhidas por Barros entre a infância e a velhice. Em 2019, a montagem marcou o retorno de Kis à cena após uma década de ausência, quando protagonizara a montagem de Zoológico de Vidro, clássico de Tennessee William (1911-1983) montado sob a direção do mesmo Ulysses Cruz que quase a dirigiu no musical Cinderella, em 2016, na qual a artista daria vida à madrasta da personagem título. Com a desistência do diretor, a atriz também deixou o projeto.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio