Chandelly Braz vive Antígona moderna em experimento cênico online

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Clássica tragédia que narra a batalha de uma jovem pelo direito de velar o corpo de seu irmão, Antígona é obra que entrou em franca discussão após a pandemia do Coronavírus, uma vez que, graças a seu caráter altamente contagioso, o vírus não permite que mortos vitimados das complicações de suas doenças, sejam velados antes do enterro.

Com a crise política causada pela falta de gestão de enfrentamento da crise sanitária, a obra de Sófocles teve seu caráter crítico sublinhado em uma série de discussões que geraram leituras, discussões e estudos sobre a obra. 

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Como Devo Chorá-los?, experimento cênico digital que chega a rede a partir desta terça-feira, 27, é a primeira adaptação da obra para o universo virtual.

Idealizado pela atriz Chandelly Braz ao lado de Bernardo Marinho e Pedro Henrique Müller, Como Devo Chorá-los? reúne uma série de propostas cênicas e diferentes linguagens artísticas a partir do mito de Antígona

Sob a direção de Marina Vianna e estrelada pelos idealizadores com a adesão de Juliana França e Zahy Guajajara, a obra cumpre temporada dentro do site oficial do projeto, promovendo uma experiência imersiva em linguagens como a performance, o urbanismo e a videoinstalação.

A obra de Sófocles se funde ainda a obras de nomes como Bertolt Brecht e da poeta canadense Anne Carson. O experimento fica em cartaz em curtíssima temporada até o dia 02 de maio com transmissões gratuitas sempre às 20h no site oficial do espetáculo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio