Clara Carvalho - Foto: Divulgação
Clara Carvalho - Foto: Divulgação

Dramaturgo norte americano com a vida tão conturbada quanto a obra genial que criou ao longo de mais de 70 anos de vida, Tennessee Williams (1911-1983) terá sua trajetória de vida e artística dissecada na próxima terça-feira, 02 de junho, em A Vida e a Obra de Tennessee Williams, live comandada pela atriz e diretora Clara Carvalho no perfil oficial do Teatro Vivo no Instagram.

O evento, agendado para às 19h30, faz parte de projeto idealizado dentro da rede social do teatro paulistano de desmistificação da dramaturgia mundial. Na série, Marco Antônio Pâmio dissecou a obra e a vida do bardo inglês William Shakespeare (1564-1616).

Com uma vida conturbada, Williams transformou sua dramaturgia numa das principais referências do teatro moderno, investigando sua malfadada relação com a figura materna e obras como À Margem da Vida (também traduzida como O Zoológico de Vidro) e O Doce Pássaro da Juventude, a doença da irmã em Um Bonde Chamado Desejo e as dificuldades de construir laços afetivos em Gata em Teto de Zinco Quente e A Noite do Iguana.

Vencedora do Prêmio Shell, Clara Carvalho, por sua vez, é uma das atrizes mais conceituadas do teatro brasileiro. Ao lado do grupo Tapa montou uma série de grandes obras da dramaturgia mundial. Seu último trabalho nos palcos foi na (excelente) De Todas as Maneiras que há de Amar, adaptação de Eduardo Tolentino de Araújo para Counting the Ways, peça menos famosa no repertório magistral do norte americano Edward Albee (1928-2016),