Discutindo a representatividade dentro do universo infantil, espetáculo traça trajetória de heróis negros online

Publicado em 17/6/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Chega à rede a partir deste sábado, 19, O Pequeno Herói Preto, espetáculo infantil que busca discutir, dentro do universo dos pequenos, temas como a representatividade, a tolerância e a cultura negra e suas matrizes a partir da história de Super Nagô, um youtuber de 10 anos de idade que, através de sua família, descobre ter super poderes.

Gravado ao vivo em sessão no Teatro Firjan Sesi, no Rio de Janeiro, o espetáculo apresenta um perfil de personagens históricas, como Tereza de Benguela (1700-????), o compositor Benjamin de Oliveira (1870-1954) e Tia Ciata (1854-1924), personagens fictícios, como Lanterna Verde e Pantera Negra, e contemporâneos, como Gilberto Gil, Elza Soares e Conceição Evaristo.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Estrelado e co-escrito por Junior Dantas, o solo infanto-juvenil é dirigido por Cristina Moura (que também assina o texto) ao lado de Luiza Loroza e cumpre temporada até o dia 27 de junho, com sessões aos sábados e domingos, sempre às 11h, com transmissão no canal oficial do espetáculo no Youtube.

Um bate-papo agendado para o dia 27 após a sessão, intitulado Direção e Dramaturgia – O Pequeno Herói Preto, comandado por Cristina Moura, Luiza Loroza, Junior Dantas e Kiusam de Oliveira, e a oficina de contação de histórias Como se Transformar num Super Herói e Super Heroína, no dia 03 de julho às 11h, completam a programação.

Todos os eventos são gratuitos e transmitidos através do canal oficial do espetáculo no YouTube.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio