Esther Góes investiga personagens femininas de Aristófanes e discute isolamento em live cênica

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Dramaturgo grego considerado o pai da comédia, Aristófanes (447 a.C. – 386 a.C.) construiu, ao longo de sua trajetória dramatúrgica perfis de personagens femininas pouco lembradas ao longo da história. 

É com a intenção de descortinar esse mundo feminino na obra do comediógrafo que a atriz e diretora vencedora do Shell Esther Góes estreia online As Mulheres de Aristófanes, obra que busca uma relação entre estas mulheres, isoladas em suas casas e o momento de isolamento social vivido graças a pandemia o novo Coronavírus.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Sob a direção de Márcio Aurélio e com a participação especial de Ariel Borghi, Góes entra em cena compondo a programação do projeto #EmCasacomoSesc neste domingo, 27,às 21h3. A transmissão será gratuita através do canal oficial da Rede Sesc São Paulo no YouTube.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio