Home Agenda Menos de um mês após última leitura, Dan Rosseto promove texto sobre censura no ambiente acadêmico

Menos de um mês após última leitura, Dan Rosseto promove texto sobre censura no ambiente acadêmico

0
Menos de um mês após última leitura, Dan Rosseto promove texto sobre censura no ambiente acadêmico
Dan Rosseto | Foto: Caio Gallucci

Nem bem finalizou a leitura de seu último texto, o poético e doído O Último Concerto para Vivaldi, o diretor, dramaturgo e ator Dan Rosseto já arquiteta a leitura para o lançamento de outro projeto. Trata-se de Aliens, texto sobre o processo de censura e cerceamento do pensamento crítico no ambiente acadêmico.

Narrando a história de seis professores de matérias ligadas à área de humanas convocados por um sistema para uma reunião de emergência, a peça propõe o pensamento da sociedade sem matérias primordiais para a sua construção, como a história, a filosofia e as línguas e literatura.

Trancados na sala, após receber a notícia de que suas disciplinas serão banidas do ensino porque o ser humano está proibido de pensar, os professores vão sendo eliminados – ou se eliminando – através de dinâmicas propostas pelo “sistema”, alterando seus instintos e tornando-se selvagens para defender suas vidas e pensamentos.

Assinando também a direção, Rosseto propõe discutir temas como a violência nos colégios, a alienação, o comportamento humano e a censura. A leitura acontece na quinta-feira, 05 de março, dentro do projeto Quinteliê, na Casa Matilde, na Vila Buarque, zona central da capital.

No elenco, Rosseto volta a trabalhar com nomes como Gustavo Trestini, Hélio Souto, Bruna Anauate, Daniel Ortega, e reúne pela primeira vez Carolina Stofella e Nicole Cordery, atrizes que se tornaram destaques populares em seus espetáculos. Stofella se destacou como a vilã Ellen do anti-musical Enquanto as Crianças Dormem, e a suburbana Dalva na encenação do diretor para Eles não Usam Black-Tie, de Gianfrancesco Guarnieri. 

Já Cordery brilhou na tragicomédia Nunca Fomos tão Felizes na pele da sardônica Simone, papel que lhe rendeu uma indicação ao Prêmio Aplauso Brasil e selecionada como uma das melhores atrizes coadjuvantes de 2019 neste portal. 

A leitura de Aliens é gratuita e acontece a partir das 19h com ingressos gratuitos.