Online, projeto promove mergulho de atores no abismo de Dostoiévski

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Celebrado como uma espécie de profeta da literatura russa, Fiódor Dostoiévski (1821-1881) construiu obra de análise humana que convida o leitor a se jogar no que se acostumou a chamar de abismo dostoievskiano. 

Tendo este conceito em mente, a produtora Marlene Salgado e a pesquisadora e ensaísta russa Elena Vássina idealizaram ciclo de encontros sobre a obra do autor russo encenada por nomes como Matheus Nachtergaele e Celso Frateschi.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Intitulado Abismos de Dostoiévski, o projeto tem início a partir das 20h desta quarta-feira, com transmissão pelo canal oficial do Centro Cultural São Paulo. A programação apresenta uma série de espetáculos pensados para o universo digital orquestrados por artistas que já tiveram contato com a obra do autor russo.

A programação tem início hoje com Celso Frateschi encenando uma adaptação de Crime e Castigo sob a direção de Vivien Buckup. Já na quinta-feira, 22, Ondina Clais e Ruy Cortez encenam uma adaptação de A Dócil, estrelada por Mariana Tenório. Sob a direção de Vadim Nikitin, Luah Guimarãez encena Os Demônios na sexta-feira, 23, enquanto Donizetti Mazonas assina a direção e divide a cena com Wellington Duarte em O Grande Inquisidor no sábado, 24.

No domingo, 25, Clarissa Campolina e Yara de Novaes dirigem Rômulo Braga na encenação de O Veredito, e, por fim, na segunda-feira, 26, Matheus Nachtergaele entra em cena sob a direção de Cibele Forjaz para encenar Sonho de um Homem Ridículo.

Gratuitas, as transmissões contam ainda com um bate-papo entre direção e elenco sobre a obra do homenageado com a mediação de Elena Vássina. Todas as apresentações acontecem às 20h.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio