Recital online reconta a vida e a trajetória de Batatinha, clássico sambista baiano

Publicado em 19/7/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A trajetória artística do gráfico Oscar da Penha (1924-1997) entra em cena em Sua Majestade Oscar da Penha, o Batatinha, recital em cartaz no Teatro Vila Velha, em Salvador, e celebra a vida e a obra do sambista baiano conhecido como Batatinha, autor de clássicos da música popular brasileira, entre eles Imitação da Vida, canção responsável por intitular um dos mais emblemáticos discos de Maria Bethânia, em 1997.

O espetáculo, que teve pré-estreia no último domingo, 11, fica em cartaz até o dia 01 de agosto com transmissão dentro do projeto Novo Vila Virtual, acoplado ao canal oficial do teatro baiano no YouTube.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Sob a direção de Márcio Meirelles, o ator e cantor Diogo Lopes Filho põe em cena textos e falas do poeta colhidas de entrevistas e depoimentos ao longo de seus mais de 70 anos de vida. Assinado por Fábio Espírito Santo, o texto não narra a vida de Batatinha de forma cronológica, mas sim através das canções que compôs ao longo de sua trajetória.
Acompanhado de um trio de músicos formado por Arthur Oliveira (Bateria e percussão), Duarte Veloso (violão e surdo) e Vanessa Melo (sopros e voz) sob a direção musical de Jarbas Bittencourt, Lopes Filho entra em cena em Sua Excelência Oscar da Penha, o Batatinha com sessões sempre aos domingos, às 19h. Os ingressos custam de R$ 10,00 a R$ 30,00.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio