Teatro Geográfico encerra trilogia de pesquisa sobre obra de Milan Kundera em novo experimento virtual

Companhia gaúcha estreia último espetáculo baseado em A Insustentável Leveza do Ser

Publicado em 20/8/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Quando estreou, no primeiro semestre de 2021, Onde Está a Leveza?, espetáculo que estabelecia pesquisa sobre a figura feminina dentro da clássica obra A Insustentável Leveza do Ser, do escritor checo-francês Milan Kundera, o grupo gaúcho Teatro Geográfico já dava prosseguimento à pesquisa iniciada em 2016 com a encenação de Sobre a Insustentável Leveza dos Seres.

O hiato de seis anos entre a primeira e a segunda montagem levou o grupo a uma série de pesquisas e desdobramentos sobre a obra lançada em 1984 (e escrita dois anos antes), buscando diferentes leituras para a clássica história que narra a vida de dois casais durante a Primavera de Praga de 1968, na Tchecoslováquia.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Agora, apenas cinco meses após a encenação digital de Onde Está a Leveza, o Teatro Geográfico põe em cena, também no universo online, A Leveza Está no Final, obra em que buscam dar um desfecho às quatro personagens a partir de seu confinamento no romance de Kundera, no que lêem como a obra do eterno retorno.

Agendada para segunda-feira, 23, a estreia de A Leveza Está no Final faz parte também das comemorações de uma década de atividade do grupo gaúcho, formado em 2011. Com dramaturgia assinada coletivamente e direção de Tatiane Vinhas, a obra cumpre curta temporada até o dia 01 de setembro, com sessões às segundas, terças e quartas-feiras.

Formado por Carol Andrade, Carol Kern, Frederico Vasques, Gabs Ambròzia e Thiago Prade, o elenco entra em cena sempre às 20h. Os ingressos são gratuitos.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio