Lucas Papp - Foto: Alexandre Battibugli
Lucas Papp - Foto: Alexandre Battibugli

A quarentena preventiva de contenção do COVID-19 (Coronavírus) tem se mostrada benéfica não apenas para impedir a disseminação do vírus, mas também para a obra autoral de alguns dramaturgos brasileiros. Luccas Papp é um deles. O jovem ator, dramaturgo e produtor tem utilizado do período para dar seguimento a obra autoral construída com títulos como 2 Palitos, O Último Mafagafo, O Ovo de Ouro e O Canto de Ninguém, que marcou a estreia de Fabi Bang no teatro de prosa.

Durante o período, Papp tem desenvolvido textos autorais e adaptações de obras e outro autores. Um deles é o cartunista mineiro Ziraldo, de quem Papp adapta O Menino Marrom, livro lançado originalmente em 1986 sobre a amizade interracial entre dois garotos, discutindo temas como a inocência na infância e a construção do racismo estrutural ao longo da vida.

Inicialmente mantendo o título original, Papp pretende que a adaptação seja um espetáculo infantil no qual volta a levantar as discussões mapeadas por Ziraldo há 34 anos. Outro título que deve ganhar adaptação do autor é Culpa, suspense policial dinamarquês lançado em 2018 sob a direção de Gustav Möller.

Na trama, um policial afastado do campo inicia um processo de investigação de um sequestro passional que, a princípio, seria apenas um crime de gênero. A medida que o suspense corre, a personagem se revela algo além de um herói imbuído de realizar seu ofício.

As adaptações que Papp assinará andam ao lado de Sonhe Comigo.Com e Estepe, peças autorais desenvolvidas em paralelo durante o período de isolamento social. No primeiro título, o dramaturgo desenvolve um drama romântico sobre duas pessoas que se encontram por meio de um aplicativo que une pessoas com sonhos parecidos. Na obra, Papp discute a importância das escolhas, as formas de lidar com o destino e a necessidade de levar a vida dependendo de outras pessoas.

Estepe segue o caminho do thriller em tempo real, no qual um homem perdido numa estrada deserta precisa encontrar um pneu estepe para seu carro. Com os quatro textos em mãos, o autor pretende entrar em produção tão logo se encerre o período de quarentena. Papp tam´m retomará a temporada de O Canto de Ninguém, que cumpriu sessões de estreia antes de precisar sair de cena.