De Todas As Maneiras - Foto: Ronaldo Gutierrez
De Todas As Maneiras - Foto: Ronaldo Gutierrez

Visando estar de acordo com o decreto da Organização Mundial da Saúde (OMS), o grupo Tapa decidiu cancelar a temporada de seu espetáculo De Todas as Maneiras que há de Amar, na Sala Ateliê do Teatro Aliança Francesa, e adiar, por tempo indeterminado, a estreia de Um Picasso, ainda sem data ou teatro confirmados para estrear.

Ao cancelar a temporada da obra de Edward Albee estrelada por Brian Penido e Clara Carvalho, o Tapa vai na direção contrária da maioria das produções, que estão adiando suas temporadas para depois do período de quarentena pedido pelo governo do Estado de São Paulo. A cidade está em estado de emergência declarado pelo prefeito Bruno Covas.

De Todas as Maneiras que há de Amar é a versão do grupo carioca radicado em São Paulo para Counting the Ways, peça escrita pelo dramaturgo norte americano Edward Albee em período de menor popularidade.A versão brasileira recebeu título retirado da canção De Todas as Maneiras, composta por Chico Buarque de Hollanda e lançada por Maria Bethânia em 1979 em seu álbum Álibi.

Um Picasso, estrelado por Sérgio Mastropasqua e, também, por Clara Carvalho, é obra do também norte americano Jeffrey Hatcher, no qual narra o encontro do pintor espanhol Pablo Picasso com uma agente do regime nazista de Adolf Hitler durante seu exílio na França.