Marília Gabriela relembra 5 peças que marcaram a sua vida e os convites de Bibi Ferreira e Gerald Thomas

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Mulher, jornalista, mãe, apresentadora e atriz. Não necessariamente nessa ordem – já que os palcos entram na vida de Marília Gabriela antes que o jornalismo (1969 como estagiária do Jornal Nacional) a fizesse uma das profissionais mais respeitadas do meio. Digamos que ela guardou com o maior carinho o desejo de seguir na carreira. Há um tempo pra tudo.

Em entrevista ao Observatório do Teatro, Gabi cita 5 Peças que mexeram com seus sentimentos, os convites que recebeu de Bibi Ferreira e Gerald Thomas e como os palcos tomaram conta de sua vida a partir de 2016. Gabi já integrou o elenco de Esperando Beckett, A peça sobre o bebê, Lady Macbeth, Aquela Mulher, Vanya e Sonia e Masha e Spike, Constelações e segue em turnê Casa de Bonecas Parte 2 pelas unidades do Sesc e em breve no Faap.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Confira!

A Visita da Velha Senhora

“A primeira peça a que assisti (desde o processo de ensaios, era Teatro Universitário), foi A Visita da Velha Senhora, de Friedrich Dürrenmat, na década de 60, em Ribeirão Preto, protagonizada por minha irmã Mariza. Calou fundo e senti vontade de fazer parte daquele processo maravilhoso”.

“Foi nessa mesma década, eu adolescente, que assisti também em Ribeirão Preto, à Zoo Story do extraordinário Edward Albee. Foi também quando conheci um dos maiores atores brasileiros, Raul Cortez, que, anos depois, viria a se tornar um grande e querido amigo que me incentivaria a fazer teatro”.

O primeiro teste, surpresa

“Um dia, começo da noite, me levou para um teste improvisado com o diretor Victor Garcia (eles estavam em processo de montagem de O Balcão). Lembro-me de, numa sala à meia-luz do Teatro Ruth Escobar, pega de surpresa, nervosa, ter de cantar alguma coisa. Cantei Da Cor do Pecado, de Bororó. Não fui aprovada (hahaha)”.

Ditadura x Teatro

“Marcante por tanta coisa, foi também assistir à Cordélia Brasil, peça de Antonio Bivar, encenada no Teatro de Arena e protagonizada por Norma Bengell, que viria a ser sequestrada desse espaço algum tempo depois por policiais do Exército e levada para interrogatório no Rio de Janeiro. Ah… o teatro, quantas ideias e visões a se experimentar nesse Universo”.

Bibi Ferreira

“Já absolutamente entregue a uma carreira no Jornalismo de TV, fazendo o Cara a Cara na TV Bandeirantes depois de anos sendo repórter, correspondente, entrevistadora e apresentadora na TV Globo, recebo um texto teatral acompanhado de um convite para ser a protagonista de uma peça interessantíssima (não consigo lembrar o nome) escrita por um inglês amigo da grandiosa Bibi Ferreira. Anos 90. Seu bilhete começava com um tentador “Seja Bem Vinda”. Não tive coragem, tinha contrato, filhos pra cuidar, medo da aventura, tudo”.

Gerald Thomas

“Não aceitei, adiando um pouco mais o que viria a encarar no ano 2000, quando fui convidada por um ícone do teatro brasileiro, Gerald Thomas, a estrear nos palcos. Convidou-me no ar, durante uma entrevista. Comecei a pensar. Foi só um mês mais tarde, depois de filhos e marido ficarem indignados por eu não aceitar, que convidei Gerald para um almoço e disse “sim” a essa que viria a ser a paixão que vivo até hoje com o teatro”.

Chegou o grande dia

“Minha estreia aconteceu no SESC Copacabana em outubro de 2000 e, em seguida, estreei em São Paulo no SESC Consolação, num espetáculo idealizado por ele sobre o texto Malone Morre, de Beckett. O nome era Esperando Beckett. Desde então, com intervalos por ainda seguir a carreira de jornalista, nunca mais parei”.

“A partir de 2016 essa passou a ser minha primeira profissão. E estou feliz e tenho dito”.  

Marília Gabriela

Serviço:

Casa de Bonecas – Parte 2

Sesc Santo André, 18 e 19/01

Sesc Jundiaí, 25 e 26 de janeiro

Ribeirão Preto, Theatro Pedro II, 09/02

Teatro Faap, São Paulo, 13/02 a 28/03

Autor: Lucas Hnath

Tradução: Marcos Daud

Direção Geral: Regina Galdino

Elenco: Marília Gabriela, Luciano Chirolli, Eliana Guttman e Clarissa Kiste

Duração: 100 minutos.

 

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio