Galvão Bueno - Foto: Pedro Strazza
Galvão Bueno - Foto: Pedro Strazza

Jornalista que construiu carreira magistral no jornalismo esportivo, o narrador Galvão Bueno escolheu os palcos para promover uma retrospectiva de seus mais de 45 anos de carreira jornalística.

Intitulado No Palco com Galvão, o espetáculo ainda não tem data ou local de estreia confirmados, mas deve chegar aos palcos ainda no primeiro semestre de 2020. Em cena, Bueno pretende passar a limpo as histórias que acumulou ao longo de sua carreira desde o início, em 1947 na Rádio Gazeta.

Apesar de surpreendente, o formato está longe de ser novo. Ao longo do século XX e mesmo após os anos 2000 uma série de artistas e celebridades usaram do tablado para contar suas histórias e passar a carreira a limpo. Nos Estados Unidos, nomes como o comediante Jerry Lewis, as atrizes Bette Davis e Renée Taylor e o boxeador Mike Tyson construíram espetáculos para falar de suas vidas e suas carreiras.

No Brasil, o ator, escritor, comediante e apresentador Jô Soares usou do formato para levar a cena O Livro Ao Vivo, a versão teatral de suas memórias, enquanto a atriz Fernanda Souza preparou uma retrospectiva no espetáculo Meu Passado não me Condena, seguida da apresentadora Fernanda Gentil com seu solo autobiográfico Sem Cerimônia.

Mesmo nomes famosos do Youtube, como a dupla de jovens do canal Depois das Onze e Christian Figueiredo contaram suas histórias para plateias lotadas. Ainda que em total descrédito, o teatro segue como uma das opções mais rentáveis e profícuas para quem tem interesse em se pôr em exibição.