Agendado para 2022, musical enfocará amizade entre Ella Fitzgerald e Marilyn Monroe

Espetáculo narrará caso clássico em que atriz ajudou cantora

Publicado em 27/09/2021 08:30
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

História antiga que de tempos em tempos ganha a atenção da rede por diferentes prismas de análise, a amizade entre a cantora Ella Fitzgerald (1917-1996) e a atriz Marilyn Monroe (1926-1962) vai, enfim, ganhar os palcos em 2022 Dose Dupla de Solidão, musical escrito e dirigido pelo carioca Francis Mayer que busca enfocar a mítica passagem em que Monroe ajudou Fitzgerald a se ambientar na Los Angeles dos anos 50.

O caso se passou quando Monroe se comprometeu com o dono do Mocambo Club, um dos clubes mais importantes da Hollywood clássica, a aparecer em todos os dias de apresentações caso ele agendasse uma temporada da diva do jazz norte americano Ella Fitzgerald no clube. À época, todos os grandes nomes do jazz já haviam passado pelo palco, com exceção da intérprete, considerada pelo empresário uma figura menor.

A obra propõe um recorte entre o final de 1954 e o início de 1955, narrando o ocorrido e a construção da amizade que se estabeleceu entre Monroe e Fitzgerald até a data da morte desta primeira, em 1962.

Com estreia agendada para o início de 2022, o musical contará com 12 canções para costurar o roteiro de quatro atos. O elenco ainda não foi selecionado.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio