Andrea Marquee - Foto: Divulgação
Andrea Marquee - Foto: Divulgação

Quando a pandemia do novo Coronavírus se instalou exigindo a adoção de medidas de contenção, como o isolamento e distanciamento social, Andrea Marquee usou do exílio forçado para mergulhar na investigação do ukulele, companheiro eficaz da quarentena desta atriz e cantora que, munida do instrumento, deu continuidade a discografia espaçada com a edição de dois EPs virtuais.

Editados entre abril e julho deste 2020, a série Lo-Fi Ukulele apresentou seleção de seis (boas) canções inéditas compostas pela artista, encerrando hiato de 16 anos em que ficou sem lançar um álbum de canções inéditas, dedicando-se à carreira de atriz no teatro musical.

Marquee estrelou, entre outros, a primeira montagem patropi dos musicais Rent (1997) e Aida (2000), além de obras como Vingança – O Musical, baseado na obra de Lupicínio Rodrigues, e Garota de Ipanema – O Musical da Bossa Nova, com clássicos do ritmo criado pela batida diferente de João Gilberto (1931-2019). 

Agora, Marquee navega pelo songbook americano com a edição de Língua, terceiro volume da série em que investiga a sonoridade do ukulele. Nas plataformas digitais a partir de hoje, 21, data em que celebra 43 anos de vida, Língua enfileira seis canções clássicas da música popular norte americana.

Na seleção estão temas como The Man in Love (George Gershwin/ Ira Gershwin, 1924), After You’ve Gone (Turner Layton/ Henry Creamer, 1918), How Deep is the Ocean (Irving Berlin, 1932), Be Careful, It’s my Heart (Irving Berlin, 1942), além de Pure Imagination (Leslie Bricusse/ Anthony Newley), composta para a trilha do filme musical A Fantástica Fábrica de Chocolates (197) e Easy as Life (Elton John/ Tim Rice), da trilha da ópera pop Aida (1998).

“Revisitei um repertório que sempre esteve presente em meu imaginário como cantora e atriz. Mixando a voz às minhas práticas com o ukulele, experimento essas maravilhosas canções”, conceitua a cantora em texto de apresentação do EP gravado em sua casa “para ouvidos de quem interessar possa”.

Ouça abaixo o EP Língua: