Após uma década, TBC deve reabrir as portas sob comando da rede Sesc

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Fechado definitivamente em 2008, quando as condições já não possibilitavam o recebimento de espetáculos e do público, o Teatro Brasileiro de Comédia receberá uma segunda chance de compor a programação cultural da cidade de São Paulo.

Anunciado na última terça-feira, 02, durante a participação
do Secretário especial da Cultura, Henrique Medeiros Pires, no seminário Faces
da Cultura, organizado pela Escola de Comunicação e Artes da Universidade de
São Paulo, o TBC passará a ser gerido pela rede Sesc, sob o comando de Danilo
Santos de Miranda.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Embora não existam informações acerca do valor a ser
investido na revitalização do prédio, localizado a Rua Major Diogo, na Bela
Vista, sabe-se que existe a possibilidade de o Sesc utilizar do projeto inicial
(foto), idealizado pela Urdi Arquitetura, ainda em 2010, quando se iniciaram as
obras do prédio sob o comando da Funarte.

Não há ainda data prevista para a reinauguração do espaço, as, de acordo com matéria do jornal O Estado de S. Paulo, a rede Sesc deverá gerir a programação cultural do espaço e criar um Cetro de Memória do TBC, espaço por onde passaram nomes como Fernanda Montenegro, Tônia Carrero, Sérgio Cardoso, Cleyde Yáconis, Cacilda Becker, Walmor Chagas, Paulo Autran entre outros grandes nomes das artes cênicas do Brasil.

Projeto Urdi Arquitetura | Foto: Acervo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio