Com orçamento de mais de R$ 16 milhões, musical Chicago estreia no Teatro Santander em agosto de 2020

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em cartaz há 23 anos na Broadway, se notabilizando como o
revival há mais tempo em cartaz em Nova York, o musical Chicago retorna ao Brasil em 2020, 16 anos após sua primeira
montagem brasileira, quando cumpriu temporada no antigo Teatro Abril (atual Teatro
Renault), protagonizado por Danielle Winits, Adriana Garambone, Daniel
Boaventura, Selma Reis, Jonathas Joba, entre outros.

A nova montagem cumprirá temporada a partir de agosto de
2020 no Teatro Santander, na Vila Olímpia, zona sul da capital. O orçamento
previsto para a montagem é de R$ R$ 16.423.889,50. Até o momento, a IMM Live
Ltda., produtora responsável pela produção, 
captou o valor de R$ 334.000,00.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Ainda sem elenco previsto para a montagem, Chicago entra em cartaz após a temporada do musical baseado na vida e na obra da diva da disco music Donna Summer, com estreia prevista para março de 2020.

O espetáculo, adaptado para o cinema e vencedor do Oscar de
Melhor Filme em 2002 e estrelado por Catherine Zeta-Jones, Reneé Zellweger,
Richard Gere e Queen Latifah, conta a história de Velma Kelly e Roxie Hart,
duas criminosas que manipulam mídia e sociedade para obter sucesso com seus
crimes. O musical foi escrito pela dupla John Kander e Fredd Ebb ao lado do
diretor e coreógrafo Bob Fosse, e conta com canções icônicas como All that Jazz e Roxie.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio