Idealizado para celebrar centenário de Nelson Gonçalves, musical deve estrear apenas em 2021

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Quando idealizou o musical 29 Dias, uma biografia musical do cantor gaúcho Nelson Gonçalves, a dramaturga Daniela Pereira pretendia que o espetáculo entrasse em cena ainda em 2019, a tempo de comemorar o centenário do intérprete de clássicos como A Volta do Boêmio, Negue e Naquela Mesa.

Contudo, problemas na produção atrasaram o espetáculo que deveria estrear no Rio de Janeiro em meados do ano passado, e chegaria à cidade maravilhosa ainda neste ano de 2020 e temporada que, uma vez mais, precisou ser adiada devido a quarentena preventiva de contenção do novo COVID-19 (Coronavírus).

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Sob a direção de Flávia Pucci, o espetáculo tem como ponto de partida a decisão de Nelson Gonçalves de se fechar numa casa trancada com sua esposa ao logo de 29 dias para tentar se livrar do vício em cocaína que o acompanhou por boa parte de sua vida. A partir desta perspectiva, a história do cantor popular é contada desde que vivia como engraxate até o sucesso massivo das rádios AM ao redor do Brasil.

Ainda sem confirmação, a possibilidade é de que o espetáculo estreie apenas em 2021, dois anos após as celebrações do centenário de Nelson Gonçalves, mas a tempo de relembrar, com certa antecedência,  verdade, os 25 anos de sua morte. Quem viver…

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio