João Paulo Cuenca discute o desenvolvimento da obra em diferentes mídias em encontro com Ana Kutner

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Romancista e roteirista carioca autor de títulos como O Dia Mastroianni (2007), O Único Final Feliz para uma História de Amor é um Acidente (2010) e Descobri que Estava Morto (2015), João Paulo Cuenca será o convidado da atriz, dramaturga e diretora após a sessão do dia 05 de março, quinta-feira, de seu solo Passarinho, no Teatro Eva Herz, em São Paulo.

A dupla se reúne para um bate-papo sobre o processo de adaptação de suas obras para outras mídias para além do impresso, como o teatro, o cinema e a TV. Cuenca não é o primeiro convidado levado por Kutner para o bate-papo após a sessão. O historiador Leandro Karnal já havia subido ao palco após o solo em que a atriz mistura causos autobiográficos com passagens fictícias.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em cartaz até o dia 26 de março, Passarinho cumpre sessões às quintas-feiras, sempre às 20h. Os ingressos custam de R$ 30,00 (meia) a R$ 60,00 (inteira).

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio