Laura Cardoso, Lee Taylor e Lígia Cortez prestam tributo a Antunes Filho em evento do Sesc

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Se não tivesse saído de cena em 02 de maio de 2019, vítima de um câncer no pulmão, o diretor paulistano Antunes Filho comemoraria amanhã, 12, 90 anos de uma vida pautada pelos mais de 60 anos que dedicou a carreira no teatro brasileiro. 

Fundador de um dos centros de pesquisa mais importantes do teatro moderno, o CPT, Filho deixou como legado uma linguagem que ajudou na revolução de costumes em meados do século XX e resistiu com força a passagem do tempo.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

É esse legado que será festejado amanhã no Teatro Anchieta do Sesc Consolação, na zona central da capital paulistana. Com um bate-papo que pretende passar a limpo não apenas a carreira de Antunes, mas, principalmente, o legado do seu Centro de Pesquisa Teatral (CPT), o evento contará com uma mesa formada por Laura Cardoso, Lee Taylor,Lígia Cortez e pelo diretor do Sesc São Paulo Danilo Santos de Miranda, que apresentará o novo plano de manutenção do Centro deixado por Antunes.

No mesmo dia, será inaugurada a instalação Dispositivo Movimentocptsesc, idealizada pelo editor Ricardo Muniz Fernandes, que promoverá a espécie de memorabília da história do CPT.

Nos dias 13 (sexta-feira) e 14 (sábado) a programação terá continuidade com duas mesas sobre as últimas cenas criadas pelo CPT. Os ingressos são gratuitos e os eventos começam às 18h.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio