Home Destaque Mundana Companhia disponibiliza online compilação com registro de obras desenvolvidas ao longo de 2020

Mundana Companhia disponibiliza online compilação com registro de obras desenvolvidas ao longo de 2020

0
Mundana Companhia disponibiliza online compilação com registro de obras desenvolvidas ao longo de 2020
Guerra em Iperoig | Foto: Renato Mangolin

A carioca Mundana Companhia disponibilizou online, em seu canal oficial no Youtube e em suas redes sociais, uma compilação com o registro de todas as obras que desenvolveram ao longo do ano de 2020. Na coletânea, já disponível, o grupo repõe em cena peças como Guerra em Iperoig e Os Insensatos, além de descortinar o processo de gestação de Guerra em Iperoig.

O grupo também produziu série de podcasts inéditos que também se debruçam sobre a gestação da peça que cumpriu temporada no Teatro Oi Futuro Flamengo, no Rio de Janeiro, com temporada transmitida online. A obra tem como ponto principal a Confederação dos Tamoios, período da revolta liderada pela nação indígena Tupinambá contra os colonizadores portugueses, entre 1554 e 1567.

Dirigido de forma coletiva pela companhia, Guerra em Iperoig tem texto assinado por André Sant’anna e roteiro de Aury Porto, Cristian Duarte, Joana Porto, Roberta Schioppa, Rogério Pinto e Zahy Guajajara. O elenco é formado por Aury Porto, Érika Puga, Silvero Pereira e Zahy Guajajara, com as participações remotas de Anderson Kary Báya, Gui Calzavara, Igor Pedroso, Lian Gaia, Mariana Ximenes e Raquel Kubeo.

Os Insensatos, que realizou temporada no Teatro de Contêiner Mungunzá, em São Paulo, é peça que surge como desdobramento das pesquisas acerca das relações entre colonizadores e indígenas no período do descobrimento do Brasil. A obra compila textos de André Sant’Anna, Aury Porto, Joana Porto, Roberta Schioppa, Rogério Pinto e Zahy Guajajara a partir da ideia original de Cristian Duarte.

A obra parte das relações estabelecidas entre colonizadores portugueses e indígenas, investigando a exploração de trabalho e riquezas dos povos que habitavam a terra brasilis antes da chegada da coroa portuguesa, para narrar quatro alegorias sobre a insensatez:o mal-uso da coisa pública, o consumismo, o desinteresse pela racionalidade e a relação superficial com o conhecimento.

Diferente de Guerra em Iperoig e de todos os outros materiais disponibilizados pelas redes da Mundana Companhia, Os Insensatos ficará disponível através do canal oficial do Teatro João Caetano, no Youtube. Todas as transmissões são gratuitas.