Home Notícias Peça celebra centenário de Sophia de Mello Breyner e abre ciclo de discussão sobre obra

Peça celebra centenário de Sophia de Mello Breyner e abre ciclo de discussão sobre obra

0
Peça celebra centenário de Sophia de Mello Breyner e abre ciclo de discussão sobre obra
O Nome das Coisas | Foto: Beto Amorim

Considerada a maior poeta portuguesa de todos os tempos, Sophia de Mello Breyner Andersen (1919 – 2004) terá seu centenário lembrado com a encenação de O Nome das Coisas, peça de Henrique Zanoni estrelada por Suia Legaspe com estreia prevista para o dia 05 de julho, sexta-feira.

O espetáculo acompanha uma escritora atravessando o silêncio da madrugada e se debruçando sobre a vida e a obra de Breyner. A encenação, também assinada por Zanoni, é uma produção conjunta dos grupos Cia. dos Infames e Cia. Dramática em Exercício e cumprirá temporada na SP Escola de Teatro e faz parte de um ciclo de comemorações que acontecem ainda nas cidades de Lisboa, Porto e Lagos (Portugal), Macau (China), Roma (Itália) e Rio de Janeiro (Brasil), além, claro, de São Paulo.

Além do espetáculo, que fica em cartaz até dia 05 de agosto, de sexta a segunda-feira, a comemoração também contará com um ciclo de debates intitulado “Sophia e a Poética em Cena”, agendado para acontecer todos os domingos com a participação de nomes como a dramaturga e jornalista Marici Salomão, a Doutora e especialista na obra da poeta, Eloisa da Silva Aragão, a escritora e historiadora Micheliny Verunschk, a Doutora em literatura portuguesa Vivian Steinberg Milano e a dramaturga Silvia Gomez, entre outros nomes.

Com ingressos a R$ 20,00 (inteira), O Nome das Coisas dá continuidade a pesquisa da Cia. Dramática em Exercício, especialista no trabalho com a literatura unida a dramaturgia, além de contar também com a pesquisa da Cia. dos Infames, acostumada a trabalhar com a linguagem cinematográfica em suas peças.

Confira abaixo o roteiro do ciclo de debates sobre Sophia de Mello Breyner Andersen – poeta celebrizada anteriormente no Brasil há 13 anos, em disco gravado por Maria Bethânia tomando como base seus poemas, “Mar de Sophia”, de 2006.

7 de Julho: Num Mar de Sentidos: A poesia de Sophia no mundo contemporâneo – Com Paolo Pomo e Marici Salomão

14 de Julho: A Política da escrita e a escrita política: escrever sob o fascismo – Com Eloisa da Silva Aragão e Silvia Gomez

21 de Julho: A poesia na cena, a poesia em cena: apropriações e desafios –Com Micheliny Verunschk e Dione Carlos

28 de Julho: O Ator-Poeta – Com Vivian Steinberg Milano e Eliana Teruel