Peça inédita de Juca de Oliveira volta a reunir autor com Fúlvio Stefanini no teatro

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Ator que construiu obra sólida como dramaturgo ao longo de
mais de 40 anos de carreira, Juca de Oliveira se prepara para encerrar um hiato
de 12 anos e estreia, a partir do dia 05 de outubro, Mãos Limpas, comédia em que volta a abordar a temática do universo
político que celebrizou comédias como o clássico Caixa Dois (1997). As informações são do blog do jornalista Dirceu
Alves, no site da Veja São Paulo.

No espetáculo, Juca segue na linguagem vaudeville que o
celebrizou com comédias anteriores, como Meno
Male
(1989), e promove a história de dois traficantes que vão se esconder
em um apartamento desabitado que pertence a um senador, que o comprou para
presentear sua assessora sem que a esposa saiba. Em paralelo, corre o fato de
que há muito dinheiro escondido no imóvel.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Mãos Limpas estreia no
dia 05 de outubro no Teatro Renaissance, e promove o reencontro em cena de Juca
de Oliveira e Fúlvio Stefanini, atores que construíram sólida e profícua
parceria entre as décadas de 1980 e 1990, com encenações com as supracitadas Caixa Dois, Meno Male e Procura-se um
Tenor
, do norte americano Ken Ludwig.

No elenco estarão ainda Nilton Bicudo, Cláudia Mello, Taumaturgo
Ferreira e Bruna Miglioranza sob a direção de Léo Stefanini. Os ingressos
custam de R$ 50,00 a R$ 120,00 e as sessões ocorrem de sexta a domingo, às 21h
(sextas e sábados) e aos domingos (18h).

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio