Pulsante, obra de Stephen Sondheim ganhará novas montagens no Brasil

Previstos para os próximos anos, alguns espetáculos já estão em produção

Publicado em 29/11/2021 14:47
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A pulsante obra construída por mais de 60 anos pelo compositor, letrista e autor norte americano Stephen Sondheim (1930-2021) seguirá reverberando no Brasil mesmo após sua repentina saída de cena na última sexta-feira, 26, aos 91 anos de idade. Relembre abaixo alguns dos espetáculos já anunciados e outros que seguem em processo de pré-produção sem data prevista para estrear.

West Side Story (2022)

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Um dos principais clássicos da obra criada por Sondheim, West Side Story ganhará sua segunda montagem no Brasil 14 anos após a produção original, dirigida por Jorge Takla e estrelada por Sara Sarres, Bianca Tadini e Fred Silveira. Sob a direção de Charles Möeller e Claudio Botelho, o espetáculo chegará ao palco do Theatro São Pedro, em São Paulo, no segundo semestre de 2022 com elenco encabeçado por Giulia Nadruz, Beto Sargentelli e Ingrid Gaigher.

Sweeney Todd – O Barbeiro Demoníaco da Rua Fleet (2022)

Um dos espetáculos mais populares da obra do compositor, Sweeney Todd ganhará a primeira montagem profissional no Brasil em 2022, mais de 50 anos após sua estreia na Broadway. Sob a direção de Zé Henrique de Paula, a obra será protagonizada por Rodrigo Lombardi no papel do sangrento e vingativo barbeiro inglês. 

A Little Night Music (Sem Previsão)

Embora menos popular na obra de Sondheim, A Little Night Music é um de seus espetáculos mais imponentes, por conter em seu repertório sua canção mais popular e famosa, Send in the Clowns. Na Broadway, a obra ganhou sua última montagem em 2009, estrelada por Angela Lansbury e Catherine Zeta-Jones. O espetáculo narra a atribulada vida de Desireé Armfeldt, uma famosa atriz que, seguindo em turnê por pequenas cidades dos Estados Unidos, retorna à sua terra natal para uma micro temporada e precisa lidar com as demandas da mãe, uma milionária matriarca responsável por criar a neta, filha da atriz, e de seu ex-amante, atualmente casado com uma moça mais jovem. A produção não tem data confirmada para estrear, mas a direção ficará a cargo de Tadeu Aguiar.

Company (Sem Previsão)

Embora tenha ganhado revival produzido há dois anos, em 2019, por Reiner Tenente com elenco formado por nomes como Stella Maria Rodrigues, Helga Nemetik, Wladimir Pinheiro, Myra Ruiz, Cristiana Pompeo e Victor Maia, entre outros, Company nunca saiu do radar da dupla Charles Möeller e Cláudio Botelho, que produziram a obra no Brasil pela primeira vez em 2000, marcando também a primeira montagem de uma obra de Sondheim no país. A nova versão do espetáculo, em cartaz na Broadway, com uma troca de gêneros entre os protagonistas, voltou a pôr a obra nas antenas dos reis dos musicais, embora não haja previsão para uma nova montagem tão cedo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio