Sérgio Mastropasqua e Clara Carvalho encenam peça sobre relações de Picasso com o regime nazista

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Peça do dramaturgo norte americano Jeffrey Hatcher encenada originalmente em 2003 a pedido da Fundação Teatral de Nova York, Um Picasso chega pela primeira vez ao Brasil em 2020 sob a direção de Eduardo Tolentino de Araújo, fundador do grupo carioca radicado em São Paulo Tapa.

Protagonizado por Sérgio Mastropasqua e Clara Carvalho, o espetáculo narra o encontro do pintor espanhol Pablo Picasso, que, exilado da França durante a ocupação nazista, tem um encontro com uma componente do Ministério da Propaganda nazista, que pretende utilizar algumas das obras do artista em seu projeto de ocupação.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Com estreia agendada para o mês de março, Um Picasso dá continuidade à profícua parceria de Mastropasqua e Carvalho, que, apenas nos últimos dois anos, encenaram premiadas versões de A Profissão da Sra. Warren e O Jardim das Cerejeiras.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio