Teatro Porto Seguro | Foto: Divulgação
Teatro Porto Seguro | Foto: Divulgação

Em maio de 2015, o cantor Ney Matogrosso retornou a São Paulo com sua turnê Atento aos Sinais para marcar a estreia do Teatro Porto Seguro, espaço cultural localizado no centro da capital paulista, inaugurado como um dos projetos de revitalização da área central onde se localiza a Cracolândia.

A partir daí, uma série de espetáculos e shows estrearam e fizeram carreira sob a curadoria do teatro, que contou em seus primeiros anos com a gestão do produtor cultural Marco Griesi.

Parte desta trajetória será celebrada a partir deste sábado, 16, com uma série de lives comemorativas. Em seu canal oficial no Youtube, o teatro transmitirá shows e uma série de bate-papos revisionistas com artistas do quilate de Fernanda Torres, Irene Ravache e Maurício de Sousa.

A partir das 17h, a atriz Irene Ravache comenta o processo de criação e a temporada de Alma Despejada, monólogo de Andréa Bassit no qual, sob a direção de Elias Andreato, Ravache comemorou 75 anos de vida.

Logo em seguida, a cantora e compositora Zélia Duncan apresenta seu show O Lado Bom da Solidão, seguida por um bate-papo com o cartunista Maurício de Sousa e seu filho, o empresário Mauro Sousa, para falar sobre a transição da Turma da Mônica dos quadrinhos para os palcos em uma série de espetáculos dedicados ao público infantil.

O cantor e compositor Guilherme Arantes apresenta um show de voz e piano seguido por outro bate-papo, desta vez com a atriz Fernanda Torres, que relembra as duas temporadas de seu monólogo blockbuster A Casa dos Budas Ditosos, que subiu ao palco do Teatro Porto Seguro em 2015 e 2016, seguida por um show da cantora Daniela Mercury.

Quem encerra a comemoração é o ator, diretor e dramaturgo Marcelo Médici com uma live inédita do Mico Leão Dourado, uma das personagens mais populares de seu solo Cada um com Seus Pobrema, há 16 anos em cartaz pelo Brasil.