Erguendo pontes com discussões atuais, Penélope Cia. adapta para o online clássico de Ibsen

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Companhia que vem desenvolvendo pesquisas acerca da adaptação de clássicos à linguagem performativa e à relação e comunicação direta com o público, a Penélope Companhia de Teatro estreia a partir desta quinta-feira, 01, Inimigos (E o Povo?), adaptação digital para o clássico Um Inimigo do Povo, do dramaturgo norueguês Henrik Ibsen (1828-1906).

A obra ergue pontes com a discussão sobre as medidas de isolamento adotadas para conter a pandemia do Coronavírus ao pôr em cena, numa assembléia virtual, os habitantes de uma vila que precisam decidir se acatam e apoiam a denúncia de uma crise sanitária prestes a se agravar ou se acreditam que as medidas exigidas para conter o mal iminente são exageradas e afetarão desnecessariamente o setor econômico.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Através da adaptação da obra original, o dramaturgo Alexandre Krug busca preservar a estrutura original, com a história contada através dos três pilares formados pela ciência (representado pelo médico Dr. Estevão), na política (através do prefeito, representado por Pedro, irmão do médico) ou na imprensa.

A dramaturgia também busca dar maior protagonismo à figura do povo que, de encontro com as pesquisas da companhia, será representado pelo próprio público. Com elenco formado por André Capuano, Cilá Fonseca, David Carolla, Demian Pinto, Erika Coracini, Liz Mantovani, Rafael Caldas e Rafael Carvalho sob a direção de Krug, Inimigos (E o Povo?) cumpre temporada até o dia 30 de abril.

As sessões acontecem às quintas e sextas-feiras, sempre às 20h. A transmissão acontece através do canal oficial da companhia Penélope no Youtube e os ingressos são gratuitos.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio