Home Agenda Após experimento online, Cia. Triptal volta a levantar discussão racial na obra de O’Neill em cena

Após experimento online, Cia. Triptal volta a levantar discussão racial na obra de O’Neill em cena

0
Após experimento online, Cia. Triptal volta a levantar discussão racial na obra de O’Neill em cena
Sede | Foto: Carla Gobbi e Catherine Gobbi

Sete meses após mergulhar no universo online com espetáculo de menor repercussão na obra magistral do dramaturgo norte americano Eugene O’Neill (1888-1953), Sede, a Cia. Triptal volta a se debruçar na obra escrita em 1914 com suposta inspiração no naufrágio do Titanic, dois anos antes.

Após desbravar as possibilidades da linguagem digital, a companhia dirigida por André Garolli (que também assina a adaptação e encenação) levou para o palco do Teatro Gamaro, em São Paulo, nova adaptação da obra que flagra três personagens – um cavalheiro, uma dançarina e um marujo – em alto mar após o naufrágio de um transatlântico.

A obra levanta discussões acerca do racismo e da objetifiação do corpo negro enquanto traça paralelos com uma crítica à alta sociedade americana. Estrelada por Camila dos Anjos, Fabrício Pietro e o jovem ator Diego Garcias, convidado após uma série de audições para substituir Wes Machado, que compôs o elenco na primeira encenação.

A nova montagem de Sede fica em cartaz de 23 a 30 de abril, com sessões de sexta a sexta-feira, sempre às 21h30. A transmissão acontece através do canal oficial do Centro Cultural São Paulo (CCSP) no YouTube. Os ingressos são gratuitos.