Cia. London visita clássico “maldito” de Georges Feydeau para comemorar cinco anos de atividade

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Dramaturgo francês que se notabilizou pela produção de uma série de espetáculos ligados à linguagem do vaudeville, Georges Feydeau tem em seu currículo uma série de obras montadas ao redor do mundo, sendo a mais famosa a comédia O Marido vai à Caça, que chegou pela última vez ao Brasil há 13 anos sob a batuta do grupo Ornitorrinco.

Considerado o rei do vaudeville e uma espécie de precursor do teatro do absurdo, Feydeau também lançou espetáculos que, em meados do século 19 chegaram a ser consideradas “malditas”, tanto na França quanto em outras praças. E é um destes títulos escolhidos pela Cia. London, companhia teatral paulistana em atividade desde 2014, para comemorar seus cinco anos de produção.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O grupo escolheu Com a Pulga Atrás da Orelha, clássico vaudeville sobre a vida burguesa e as catástrofes matrimoniais do final do século retrasado. No espetáculo, um bom burguês tem a fidelidade testada pela esposa em um bordel, onde é confundido com um empregado do estabelecimento, que, para seu espanto, é seu sósia. Junta-se a isso um fanho que recobra a fala por encanto, dois ou três maridos ciumentos, além de criados e prostitutas, em um ritmo alucinante.

Com um elenco formado por 14 atores, o espetáculo – que aportou no Brasil pela última vez em 2015, sob direção de Marcus Alvisi – cumpre temporada no Teatro União Cultural até o dia 26 de julho, todas as sextas-feiras. A direção e adaptação do texto são assinadas por Rafael Mallagutti. Os ingressos custam de R$ 35,00 (meia) a R$ 70,00 (inteira).

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio