Entrada de Diva Menner em musical O Rei do Show atesta força da artista e olhar atento a novos talentos

Artista foi destaque no The Voice em 2020 e estreia nos musicais

Publicado em 14/8/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Que pesem as massivas (e justificáveis) críticas nas redes sociais à falta de novidade e sequencial favoritismo a nomes consagrados e cartas marcadas nas escalações dos musicais produzidos por grandes produtoras do circuito mainstream entre Rio de Janeiro e São Paulo, é preciso fazer justiça a pelo menos um nome fora da curva na escalação recém-anunciada de Barnum – O Rei do Show, musical que chega aos palcos de São Paulo no dia 01 de outubro no Teatro Opus, zona oeste da capital.

A cantora recifense Diva Menner, um dos destaques da edição de 2020 do reality musical The Voice Brasil, da Rede Globo, desponta como uma das protagonistas da obra estrelada por Murilo Rosa, e que narra a vida de P.T Barnum (1810-1891), reconhecido como o principal nome da transformação do circo em um grande filão do showbusiness.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Sob a produção da Barpho Produções, direção geral de Gustavo Barchilon, direção musical de Thiago Gimenez, coreografia de Alonso Barros e versão brasileira de Cláudio Botelho, Barnum traz em seu elenco desde nomes consagrados como a veterana Kiara Sasso e a representante da nova geração Giulia Nadruz, até figuras menos óbvias, como as que compõem o ensemble, apelidado de “turma do circo”. Mas é Menner quem surge como bem-vindo ponto fora da curva.

Primeiro por não ser um nome com currículo extenso no circuito dos musicais, segundo por angariar um dos principais papéis da obra, Joice Heth (1756-1836), personagem que entrou para a história como a mulher mais velha do mundo ao ser exibida por Barnum em seu circo como a mãe de enfermagem de George Washington (1732-1799), o primeiro presidente dos Estados Unidos.

A personagem ganhou vida na montagem original da obra, na Broadway em 1980, pela voz tamanha de Terri White, uma das principais divas do teatro norte americano entre as décadas de 1980 e 1990. A personagem performa uma das melhores canções do espetáculo, Thank God I’m Old.

Barnum – O Rei do Show é um espetáculo com texto de Mark Bramble (1950-2019), letras de Michael Stewart (1924-1987) e música de Cy Coleman (1929-2004).

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio